quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Karwa Chauth







Atendendo a pedidos,  vou falar de mais um festival aqui da India.

Karwa Chauth eh um festival traditional aqui na India.

As mulheres casadas jejuam um dia inteiro (sem comida ou agua) pela vida longa dos maridos. O ritual significa extremo amor e devocao aos amados.
Elas comecam o jejum na noite anterior, logo que aparece a lua e esperam ate a proxima lua (dia do festival) para comecar as cerimonias.
Se vestem com a melhor roupa, pintam as maos e pes com henna e se enfeitam com joias.
Ao primeiro sinal da lua oferecem preces e recebem o primeiro pedaco de comida dado pelo marido. Entao consomem uma refeicao especial, preparada para a ocasiao.
Este festival comeca com uma historia triste. Quando os mussulmanos invadiram a India, eles forcaram os Hindus a se converterem para o Islam pela forca, matando e estuprando as mulheres dos homens hindus. Para prevenir as viuvas da India desses ataques, criou-se uma tradicao em que quando o marido (protetor da familia) morria, a mulher tambem se sacrificava, queimando-se viva. (ISSO GRACAS A DEUS NAO EXISTE MAIS). Por isso ate hoje elas fazem esse ritual pela vida longa dos maridos, em sinal de que nao quererem sacrificar a si mesmas.
Hoje ja nao lembram da historia triste e essa se tornou uma festa linda, onde as filhas tambem participam, ajudando a mae a se enfeitar.

Devo confessar que eu nao fiz o jejum, mas pintei as maos com henna, Linda, nao?!
Bjs

Karwa Chauth is a traditional Hindu festival celebrated in India.

Married women fast one whole day without food or water for the long life of their husbands. The ritual signifies extreme love and devotion to the beloved one.
They start their fast at night just after the appearance of the moon. They then wait until the next night's moon (the day for the festival) to start the ceremonies.
In the evening women dress in their best clothing, and adorn themselves with jewellery and henna.
On sighting the moon, they offer prayers and then receive their first bite of food and water from their husbands. Thereafter, women consume their special meal prepared for the occasion.
This festival starts with a sad story. When the Muslims invaded India, they were forcing Hindus to convert into Muslims. Either by sheer force or raping, killing the wives of Hindu men. In order to prevent the widows of India from the Muslim attacks, Hindus created a tradition that once the husband, the protector of the family, passes away, the wife must also sacrifice herself in the cremation. (IT DOESN’T HAPPEN ANYMORE!) This resulted in women praying for a long life in their husbands because they do not want to sacrifice themselves once their husband passes away.
They don’t remember that sad story anymore and now this is a beautiful festival, where the daughters also participate, helping the mothers to adorn.


I have to confess that I didn’t fast, but painted my hands with henna. Nice!

18 comentários:

Maria Lúcia disse...

Oi Patricia! A pintura ficou linda! E o marido? Gostou? Rsrsrs. Imagino que tenha gostado muito!
Beijos e um bom fim de semana!

Shilola disse...

Patricia, é realmente muito bacana "entender" esses rituais... :D
E a pintura ficou muito linda! ;)
Bjocas,
Carol

Rosana Moreno disse...

Oi Patricia, Gosto muito dessas estórias e cultura da Índia,obrigada por nos proporcionar esse intercâmbio cultural! Adorei sua pintura e ficou linda (deve ser difícil fazer?)
Quanto ao trabalho de patchcolagem, eu usei sim o papel termocolante, vc vai precisar de tecidos 100% algodão (estampas diversas), linha para bordar e o papel termocolante, aqui no Brasil se acha em qualquer armarinho! è muito fácil fazer! Vc vai gostar!
Beijos

Heloísa disse...

Oi, Patrícia,
Vim agradecer seu lindo comentário no meu blog, e conhecer o seu.
Achei lindo, e fiquei procurando uma explicação para você estar morando na Índia, até que encontrei (lá no comecinho do blog). Como tenho filho que mora no exterior, sempre me interesso por esse assunto (daqueles que moram fora).
Aparecerei sempre para visitá-la, conhecer suas histórias e ver as lindas ideias de decoração.
Beijo.

Patricia Mascarenhas disse...

Gente, queria explicar que nao fui em quem fez o desenho!
Na epoca do festival aparecem dezenas de artistas, na maioria rapazes muito pobres, em toda a cidade.
Eles demoram mais ou menos 40 minutos pra fazer um desenho como esses e cobram em media 15 reais.

Thaís Gouvêa disse...

Oi Patricia!
Eu entendi o que vc disse da transferência sim :)
Menina que cultura mais linda né?
Seus pimpolhos tem uma oportunidade ímpar de poder vivenciar tudo isso com vcs. Acredito que agregar este tipo de conhecimento é um grande legado que vc e seu marido deixam para eles.
Amei a explicação e o desenho nas suas mãos. Perfeito!
Bjuuus

Dricca Kastrup disse...

Que lindo, hein, Pat ?

Essa é a parte boa de estar em outra cultura, né ? Ainda mais na India, completamente diferente da nossa !

Beijos, querida !

Vivian disse...

Oi flor !! Adoro conhecer novas culturas, vou ficar ligadinha aqui no seu bloguito pra saber tudinho a respeito da India!!! Posso sugerir posts? rs

bjks

Marcia disse...

Patricia, obrigada pela visita no Ideias, adorei sua passagem por lá, assim como adorei o seu blog. Estive na India já fazem 20 anos, mas não dá para esquecer. Foram 45 dias em varias cidades diferentes e tudo diferente de tudo o que temos aqui.
Continuarei te seguindo. Abraços

EdiArt disse...

Querida passei para agradecer sua visita e palavras carinhosas e conhecer um pouquinho sobre você!!!! Que máximo quando vi que mora na Índia
com culturas tão diferentes da nossa aqui no Brasil!!! Vou amar conhece-la e visitar com mais calma seu blog porque agora estou indo trabalhar
em uma Oficina De Scrap!! Quando voltar entro novamente e conheço melhor seu blog!!
Obrigada sucesso e tudo de bom!!!!
Beijos!!!

Nile e Richard disse...

Oi Patrícia.
Adoei a história,um pouco triste demais.
Mas pintar as mãos em ato de amor é muito bonito.Quanto a ficar em jejum por um dia,sinceramente nem por amor.
Bom fim de semana para voce.
bjtos.Nile.

Lidiane Vasconcelos disse...

Estou achando ótimo saber disso tudo. :)
É muito enriquecedor, então obrigada por compartilhar e nos ensinar um pouco da cultura indiana.

E a pintura? Super diferente e linda. ;)

Cibele disse...

Oiii, tudo bem? que legal essa diferenças entre as culturas né?!! vc arrasta o sari no mercado tbm rsrsrs
Paty o corpinho é pintura de tecido tbm esse cabelo dessa boneca é de biscuit das outras bonecas é espiral.
Tente fazer sim, e não esquece de mostrar pois queremos ver, se precisar pode perguntar.

Elisa no blog disse...

Que mãos lindas vc tem. Mãos de madame. Vc tem empregada? Aqui no Japão é impossível.
Que ritual interessante.
Fiz um post hoje sobre traição. Queria ouvir sua opinião. Se vc pudesse contar como é na Índia fico agradecida.

Andrea Guim disse...

Oi, Patricia!!
Quando mais jovem, tive um colega que fazia tatoo de Rena, e para fazer propaganda de seu trabalho, fazia tatoos em mim!! Adorava fazer a parte de cima da minha mão!!!!! Se não fosse tão caro aqui no Brasil, estaria fazendo até hoje!
eijins!

Cucchiaio pieno disse...

Que maravilha, transformar tanta tragédia em momentos de joia é uma bençao - comovente!
Amei a pintura com henna.
Bjos
Léia

Marcia Rosa disse...

Olá Patricia, vim retribuir a visita...tbém adoro decoração e sou fanática por organização...acho prazeiroso arrumar nosso cantinho, ter tudo à mão...Minha cunhada esteve duas vezes na India, mora em Tókyo. Acho incrivel poder conhecer outras culturas!
Parabéns pelo blog.
bjs

Fabiano Mayrink disse...

Nossa Patricia, que lindas ficaram suas maos, uma obra de arte, tenha paciencia ne, um artista, abraços, postarei o selinho hoje, muito obrigado!